Brasil Progresso

Informativo

Livros produzidos por Brasil Progresso. Amazon [clique aqui para acessar], um dos sites mais conceituados em livros digitais. Os livros são de minha autoria. Direito do consumidor, política etc.

Artigos e trabalhos do autor

JusNavigandi

JusBrasil

Artigonal

SlideShared

Buzzero

ABDIR - Academia Brasileira de Direito (Menoridade Penal; profissionais de saúde)

Editora JC

JurisWay

Projeto de lei para “demitir” político incapaz

Podcast Brasil Progresso

Categorias

Fascista? Saiba se você é um

Trânsito Escola — Polarizações. Eis o Brasil do “amor”. Há defesas acaloradas, verdadeiro cabo de guerra. Cada qual procura uma ideologia, a melhor ideologia. Contudo, nessa procura, verdadeiros massacres em nome da razão, da felicidade, da verdade. Falar mal dos outros, projeção, é alívio para os próprios tormentos. Catarse. Viver em sociedade não é homogeneidade. Há comunidades dentro de uma sociedade. Cada comunidade, seja religiosa, política, filosófica, defende os seus ideais do bem viver. Querendo ou não, é possível existir comunitarismo dentro de filosofias consideradas de autonomia da vontade. O vídeo abaixo, alerta para o tipo de humanidade para as próximas gerações. O futuro é face do presente.

O vídeo foi divulgado no site BBC Brasil. Encontra-se também no Youtube. Para acessá-lo, clique aqui.

Anúncios

Câmara dos Deputados e Michel Temer, o capital vale mais do que a Convenção das Nações Unidas contra a Corrupção

Ontem, 02/08/2017, para quem assistiu às votações, mitos, do Velho Mundo, ressurgiram. Não pela ideologia de gênero, e assim vai. Defesa do desenvolvimento econômico como justificativa do engavetamento da denúncia da Procuradoria Geral da República, contra V. Exº Michel Temer.

Num país, chamado Brasil, com os maiores escândalos entre público e privado do planeta, a chamada Parceria Público-Privada Ímproba (PPPI), contrariando o acordo internacional contra a corrupção, pelo DECRETO Nº 5.687, DE 31 DE JANEIRO DE 2006, os deputados, defensores do capital, mas contra a corrupção, votaram pelo engavetamento da denúncia, da Procuradoria Geral da República, proposta por Rodrigo Janot, contra Temer.

(mais…)

Moral brasileira à crise na Venezuela: no Brasil, o povo também não manda

O Brasil é um país peculiar. Reclama da Venezuela, ou melhor, do ditador o presidente Nicolás Maduro

“O povo venezuelano sofre”.

“O ditador comunista que destrói povo e democracia”.

Algumas frases ditas por alguns brasileiros, claro, anticomunistas.

MAYA BRASILEIRA

O Brasil sempre foi país de belezas naturais, de povo unido, zeloso por suas instituições democráticas, defensor da igualdade material. Enfim, um país que é símbolo para o mundo conturbado, caótico. Nessa utopia, Siddhartha Gautama tupiniquim não consegue enxerga a sua própria realidade. Não há velhice, doença, pobreza, miséria, crime; há amor fraternal universal entre todos os cidadãos brasileiros, os representantes do povo, eleitos democraticamente, agem, unicamente, pela democracia, pelo desenvolvimento da Pólis. Enquanto isso, fora de sua redoma, Maya consegue iludir Siddhartha Gautama tupiniquim. Fora da redoma, o caos. Enquanto Maya age no Brasil, o paraíso é possível para Siddhartha Gautama tupiniquim.

(mais…)

Criminalização da apologia ao comunismo e como o sexo mudou o mundo

Projeto de Lei 5358/16, do deputado Eduardo Bolsonaro (PSC-SP). Já é um ótimo começo. Antes de me aprofundar no assunto, o leitor tem oportunidade de escolha, duas pílulas, uma azul e outra vermelha. Pensou em Matrix O Filme? Nada disso. A pílula azul é um estimulante sexual, a pílula vermelha, bem, vinho do bom, para descontrair, em relação ao documentário Como o Sexo Mudou o Mundo, produzido por History 2.

No site Câmara dos Deputados, seção DIREITO E JUSTIÇA, com publicação em 24/07/2017 – 08h57, o Projeto de Lei 5358/16, do deputado Eduardo Bolsonaro (PSC-SP). Vejamos sobre PL, que se encontra em http://www.câmara.gov.br/proposicoesWeb/prop_mostrarintegra?codteor=1460579

Primeiro, a justificativa:

“Os regimes comunistas mataram mais de 100 milhões de pessoas em todo o mundo e mesmo assim, agremiações de diversas matizes, defendem esse nefasto regime, mascarando as reais faces do terror em ideais de igualdade entre as classes sociais.

O que ocorre, na verdade, é o contínuo fomento de formas subliminar, velada ou mesmo ostensiva, da luta entre grupos distintos, que se materializam em textos jornalísticos, falsas expressões culturais, doutrinação escolar, atuações político-partidárias dentre outras, sempre com a pseudo intenção da busca pela justiça social.

Em nome desses “ideais” os adeptos dessa ideologia estão dispostos a tudo e já perpetraram toda a sorte de barbáries contra agentes do Estado que objetivaram neutralizar sua “causa”.

No Brasil, especialmente nas décadas de 1960 e 1970, muitos integrantes de grupos criminosos justificaram inúmeros atos terroristas por, em tese, se oporem ao chamado regime militar, bradando lutar por democracia, quando, de fato, tinham por escopo implantar a “ditadura do proletariado”.

A mentira é o oxigênio desses canalhas travestidos de idealistas do bem comum.

Onde for possível repetem, incansavelmente, mantras que distorcem a realidade da história e manipulam o inconsciente coletivo vendendo a ideia da perfeição do comunismo e a satanização de tudo que a ele se contraponha.

Alguns países já proíbem em seu ordenamento legal a ideologia e mesmo o uso de símbolos que fazem referência a esse perverso regime, como Polônia, Ucrânia, Lituânia, Geórgia e Moldávia.

No Brasil, mesmo antes do auge dos atos terroristas contra o Estado, movimentos deflagrados em 1935 nos estados de Pernambuco, Rio Grande do Norte e no Distrito Federal já delineavam as reais intenções dos comunistas.”

(mais…)

O Brasil que existe há muito tempo. ‘Santa hipocrisia, Batman!’

Brasil Progresso — As delações premiadas têm demonstrado o que sempre existiu na calada da noite e nos bastidores fétidos da política brasileira: tramoias. A diferença para este momento em comparação com os momentos pretéritos históricos é que antes de 2003 o Brasil era um país ilhado pelas suas próprias leis. Explico. Com a Convenção das Nações Unidas contra a Corrupção — DECRETO Nº 4.410, DE 7 DE OUTUBRO DE 2002 — o Brasil se obrigou à combater a corrupção interna. Para isso, as instituições democráticas investigativas deveriam ganhar status de excelência. É a partir de da Convenção que o Ministério Público e a Polícia Federal ganham força, investigativa, jamais vista na História brasileira.

(mais…)

O Brasil que existe há muito tempo. ‘Santa hipocrisia, Batman!’

Brasil Progresso — As delações premiadas têm demonstrado o que sempre existiu na calada da noite e nos bastidores fétidos da política brasileira: tramoias. A diferença para este momento em comparação com os momentos pretéritos históricos é que antes de 2003 o Brasil era um país ilhado pelas suas próprias leis. Explico. Com a Convenção das Nações Unidas contra a Corrupção — DECRETO Nº 4.410, DE 7 DE OUTUBRO DE 2002 — o Brasil se obrigou à combater a corrupção interna. Para isso, as instituições democráticas investigativas deveriam ganhar status de excelência. É a partir de da Convenção que o Ministério Público e a Polícia Federal ganham força, investigativa, jamais vista na História brasileira.

(mais…)

O Brasil que existe há muito tempo

Brasil Progresso — As delações premiadas têm demonstrado o que sempre existiu na calada da noite e nos bastidores fétidos da política brasileira: tramoias. A diferença para este momento em comparação com os momentos pretéritos históricos é que antes de 2003 o Brasil era um país ilhado pelas suas próprias leis. Explico. Com a Convenção das Nações Unidas contra a Corrupção — DECRETO Nº 4.410, DE 7 DE OUTUBRO DE 2002 — o Brasil se obrigou à combater a corrupção interna. Para isso, as instituições democráticas investigativas deveriam ganhar status de excelência. É a partir de da Convenção que o Ministério Público e a Polícia Federal ganham força, investigativa, jamais vista na História brasileira.  (mais…)

Ou Luiz Inácio Lula da Silva é o maior larápio da História brasileira ou há um complô contra o Estado Democrático de Direito

BRASIL PROGRESSO — Hoje Sérgio Moro ficará cara a cara com o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, ou será o contrário? Seja como for, os brasileiros esperam um desfecho, respeitando-se o Estado Democrático de Direito, para o caso “Lula Larápio”, quando condenado, ou “Lula Salvador”, caso não seja condenado. Lembrando que hoje (10/05/2015) irá apenas depor — para alguns, Lula sairá algemado por Sérgio Moro. Do Lula nordestino analfabeto e comedor de jabá ao Lula Presidente da República, consagrado, mundialmente A história de Lula é comovente, interessante e espantosa. Lula já foi astro de cinema no filme Lula, o Filho do Brasil. Lula, por si só, já é persona non grata por ser nordestino, proletariado, esquerdista, comedor de farofa com carne seca e, ainda, da classe social dita “inferior”. E nordestinos ainda são repudiados no Brasil do Amor fraterno. Na extinta rede social Orkut — ainda é possível colher informações —, várias comunidades foram criadas para destratar os nordestinos. De cabeçorras até comedores de jabá, não faltaram criatividades maldosas. E pensar que os grandes escritores brasileiros foram nordestinos, assim como comediantes.

(mais…)

Operação Carne Fraca e filme Erin Brockovich

Brasil Progresso — Caros leitores. Há tempo estou sem escrever neste blogue. O Brasil vive um caos sem precedentes, pois antes da liberdade de expressão, proporcionada pela CRFB de 1988, tudo era camuflado, engavetado.

A PF, através da Operação Carne Fraca, desarticulou esquema de PPPI [Parceria Público-Privada Ímproba]. Notem que há investigação, e que não se pode dizer que há culpados [crime, trânsito em julgado em última instância].

(mais…)

Autonomia da vontade versus coletividade. Obrigações na Democracia (humanística)

Qualquer ser humano tem dignidade. É o primeiro princípio que rege todos os seres humanos. Dotados de razão, cada qual tem o dever de garantir a dignidade humana de qualquer pessoa, ou seja, o senso de coletividade.

“Nenhum homem é uma ilha, completamente isolado. Cada homem é um pedaço do continente, uma parte do todo. Se um torrão for levado pelo mar, a Europa ficará menor, não importa se for um promontório, a casa do seu amigo ou a sua própria. A morte de qualquer homem me diminui, porque sou parte da humanidade.” (John Jones)

Em poucas palavras, Jones sintetiza a percepção do que seja a dignidade humana.

SER LIBERTÁRIO É SER HUMANIZADOR

John Locke é um poderoso aliado dos libertários. Como qualquer filósofo, por ser humano, diverge, em alguns pontos, de outros libertários, e há divergências entre os outros libertários. É a natureza humana. Divergir, a capacidade natural que impulsionou o ser humano ao patamar de desenvolvimento, não sendo final, político, moral, ético e tecnológico.

(mais…)

Selo Servindo, ou não, à nação

Este selo é uma iniciativa de Brasil Progresso para tornar realidade o artigo 37, da Constituição Federal de 1988. Clique aqui e saiba mais.

%d blogueiros gostam disto: